Bonza recebe segundo 737 Max

Bonza recebe segundo 737 Max e fica um passo mais próximo do grande lançamento. A companhia aérea estava prevista iniciar operações no segundo trimestre de 2022, mas teve de adiar para o final do ano. Segundo um artigo da Australian Aviation publicado a 3 de Setembro, a companhia aérea estava ainda a planear o lançamento para Setembro, contudo, isso ainda não foi possível.    

A companhia aérea está à espera do COA

O artigo afirma que a Bonza está ainda à espera do seu Certificado de Operador de Transporte Aéreo. Este Certificado é emitido na Austrália, pela CASA – Civil Aviation Safety Authority (ANAC in Portugal), o qual permite uma operadora aérea iniciar as suas operações comerciais. Para obter este certificado tão importante as companhias aéreas têm de providenciar informação acerca do seu pessoal, bens e dos sistemas em funcionamento para assegurar o funcionamento da companhia aérea.   

Sem um COA as companhias aéreas não podem funcionar. O artigo afirma que a Bonza está ainda à espera do seu COA, portanto esta poderá ser a razão para o atraso no seu lançamento.

A companhia aérea registou o seu segundo 737 Max

Também de acordo com o artigo da Australian Aviation, a Bonza registou o seu segundo 737 Max no início de Setembro. O novo VH-IUK foi visto a sobrevoar a zona de Seattle, a qual se encontra perto da base da Boeing. O artigo diz que este poderá ser o avião que iniciará as operações da Bonza.

A companhia aérea recebeu o seu primeiro 737 Max no início de Julho. Este avião aparentemente destina-se a servir de reforço. Estes são os dois primeiros de 8 aviões que completarão a frota da empresa.

A Bonza voará 17 rotas de ponto-a-ponto para 17 destinos. A companhia aérea não irá competir directamente com as grandes companhias aéreas tais como a Qantas ou Virgin. A maioria dos seus destinos não estão actualmente servidos por essas companhias aéreas. Isto irá abrir as portas do turismo para as áreas regionais da Austrália, providenciando novas opções para aqueles que gostam de uma férias calmas e longe das ratoeiras turisticas.    

Deixe uma resposta