Medir o nível de paz

Medir o nível de paz. Sabia que é possível medir o nível de paz dos países? É um estudo bastante interessante que considera diversos factores da vida do país. O estudo é publicado todos os anos e hoje vou falar-lhe dos últimos resultados.

Índice Global de Paz

O Índice Global de Paz (Global Peace Index) é uma estatística elaborada pelo Instituto de Economia e Paz (Institute of Economics and Peace -IEP), que é uma organização sediada em Sidney e que tenta avaliar os países de acordo com o seu nível de paz. Não e uma tarefa fácil e muitos factores são tidos em conta, tais como segurança, criminalidade e actividade militar, etc. 

O estudo é lançado todos os anos e é preparado através da avaliação de um país, segundo 3 critérios fundamentais: segurança, nível de envolvimento em conflitos internos e internacionais e militarização.

2020 resumidamente

Segundo o Índice de Paz Global, o nível de paz global desceu numa média de 0,34%, por país. O relatório mostra que, desde 2008, o nível de paz global decresceu 2,8%. Mas nem tudo é mau, dos países avaliados (99,7% da população global), 81 países melhoraram o seu nível de paz, no ano passado. 80 países tiveram uma classificação mais baixa. O relatório afirma que os conflitos que emergiram na década passada começaram a acalmar, mas foram substituídos pela incerteza trazida pela pandemia.   

Os mais pacíficos

Em 2020, e desde 2008, a Islândia está classificada como o país mais pacífico de mundo. É seguida pela Nova Zelândia, Portugal e Dinamarca. A Austrália esta classificada em 13° lugar. O Reino Unido ficou em 42° lugar e os Estados Unidos em 121° lugar. Estes resultados podem refectir a sua militarização e envolvimento em conflitos internacionais.

Os menos pacíficos

Pela segunda vez, o Afeganistão ficou classificado como o país menos pacífico do mundo. Foi seguido pela Síria, Iraque, Sul do Sudão e Iémen. Todos estes países, excepto o Iémen, estão no fim da lista desde 2015.

Vamos ter esperança que todos melhorem e que tenhamos um mundo mais pacífico no futuro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *